Polícia Rodoviária começa a usar bafômetro que identifica álcool por aproximação

Policial exibe bafômetro passivo

A fiscalização do trânsito em rodovias estaduais conta com um novo equipamento para verificar a embriaguez dos motoristas. É um novo tipo de bafômetro, que torna a coleta do material mais fácil e permite que mais testes sejam feitos.

Com o chamado etilômetro passivo, basta o condutor soprar a distancia ou falar por perto que o equipamento identifica se houve ou não ingestão de álcool. Se ficar verde, não há suspeita de alcoolemia. Caso fique vermelho, o motorista é encaminhado a confirmar o teste no bafômetro tradicional.  
Segundo a Polícia Rodoviária, com os novos equipamentos, as fiscalizações ocorrerão de forma mais frequente em quaisquer horários e dias da semana. Cada viatura deve ter um bafômetro.

Outra vantagem é que o condutor que não ingeriu bebida alcoólica, será liberado mais rápido em uma operação ou uma abordagem de rotina e também não irá precisar descer do veículo. 

O aparelho também permite maior economia de recursos, já que no bafômetro antigo é necessário utilizar o bocal descartável, o que não é necessário no novo equipamento. 

Fiscalização em Cajamar

Na última terça-feira (25), policiais rodoviários do Posto Avançado localizado no Km 38 da Rodovia Anhanguera, iniciaram o uso do novo equipamento em fiscalização realizada na pista sentido Capital-Interior.

A fiscalização ocorreu por volta das 9h da manhã e foi divulgada por internautas nas redes sociais. No vídeo divulgado, um policial foi visto com o aparelho realizando a abordagem nos motoristas que trafegavam pela rodovia. A Polícia Rodoviária Estadual ainda não divulgou o balanço das ações realizadas durante o Carnaval de 2020.