24 de setembro de 2020

Partículas da Covid-19 no ar podem infectar pessoas, dizem cientistas

Informação foi publicada no jornal americano ‘The New York Times’; OMS revelou que está revisando as informações da reportagem.

O novo coronavírus (Sars-CoV-2) pode infectar pessoas através do ar, afirmou um grupo de 239 cientistas ao jornal “The New York Times”, dos Estados Unidos. A Organização Mundial da Saúde (OMS) diz estar revisando as informações dos cientistas.

“Estamos cientes do artigo e estamos revisando seu conteúdo com nossos especialistas técnicos”, diz a nota.

Entretanto, esta não é a primeira vez a possibilidade de transmissão pelo ar é apontada. Um estudo chinês apontou que o vírus as pessoas podem se infectar mesmo sem contato, apenas pelo ar, mas o órgão da Saúde insiste em não confirmar a informação.

De acordo com a reportagem do jornal, vários estabelecimentos precisariam garantir bons sistemas de ventilação e filtros de ar poderosos durante a pandemia. O jornal indica ainda que luzes ultravioletas podem ser utilizadas para matar partículas virais.

Os cientistas ainda não conseguiram guardar o vírus em aerossóis laboratoriais, segundo a médica Linsey Marr, especialista em transmissão aérea de vírus pela universidade Virginia Tech. No entanto, não significa que as partículas não sejam infecciosas.

De acordo com a médica, os prédios possuem uma menor circulação de ar, fazendo com que o vírus se acumule no ar e gere maiores riscos. A cientista afirma que as partículas não são capazes de viajar longas distâncias e infectar pessoas.