Cajamar foi má avaliada em tratamento de esgoto

A cidade de Cajama foi citada em levantamento feito pela Abes, Associação Brasileira de Empresa de Saneamento Ambiental, com índice zero de tratamento de esgoto. A informação inicialmente divulgada pelo SPTV da Rede Globo, no sábado, 29, ainda apontou Caieiras, Franco da Rocha e Francisco Morato com os mesmos problemas

A má avaliação no ranking que levou em consideração indicadores de abastecimento de água, coleta e tratamento de esgoto, de resíduos sólidos e destinação desses resíduos, fez que com a Top Tv procurasse a prefeitura e a Sabesp para se manifestarem.

De acordo com a prefeirura de Cajamar nenhum litro de esgoto é tratado na cidade e que a responsabilidade por esse serviço é da Sabesp. A prefeitura diz ainda, que está cobrando a Sabesp para que dê uma solução no sistema de saneamento básico do município.

A Sabesp diz que coleta 89% do esgoto gerado na região metropolitana e que trata 71% desse total. Quatro novas estações de tratamento devem ser entregues para as cidades de Cajamar, Caieiras, Franco da Rocha e Francisco Morato.