Merendeiras da Rede Municipal de Educação recebem curso de capacitação

Para melhorar, ainda mais, a qualidade do trabalho oferecido aos alunos e garantir uma alimentação saudável e balanceada, as merendeiras que atuam na Rede Municipal de Ensino em Cajamar participaram na última segunda-feira (29) de curso de capacitação realizado pela Secretaria de Educação através do Departamento de Alimento Escolar. 

O curso de qualificação contou com a participação da gerente responsável pela Divisão de Alimentação Escolar do município, Liliane Rodrigues da Costa, da gerente de segurança alimentar do Departamento Vigilância em Saúde e nutricionista, Consuelo Fernandes, da Master Coach, Elaine Dias e da Técnica de Segurança do Trabalho, Elisangela Garcia. 

O objetivo do curso foi de valorizar as profissionais da área alimentar, levando conhecimentos técnicos, visando melhorar, ainda mais, o preparo da merenda escolar. 

Durante o encontro realizado no auditório da Câmara Municipal de Cajamar, as merendeiras receberam uma atividade ministrada pela Master Coach, Elaine Dias, através da yoga do riso. Chamada de risoterapia ou terapia do riso é uma atividade capaz de transformar a emoção de sorrir em uma técnica relaxante. Segundo Elaine, o exercício serve como uma forma de estimular o desempenho profissional e aumentar a sociabilidade dos funcionários. 

A nutricionista e gerente de segurança alimentar, Consuelo Fernandes, foi responsável por conduzir a palestra com o tema “Um amor por alimentação escolar”, que teve o objetivo de reciclar o conhecimento das profissionais, desenvolvendo orientações sobre técnicas dentro dos princípios da segurança alimentar. 

Além disso, as merendeiras receberam instruções importantes da técnica de segurança do trabalho, Elisangela Garcia, que mostrou um conjunto de medidas para prevenir acidentes e doenças durante a execução das atividades, preservando a saúde e integridade física dos trabalhadores e bens materiais.

A nutricionista e gerente da Divisão de Alimentação Escolar de Cajamar, Liliane Rodrigues da Costa, destacou a importância da qualificação das profissionais da área alimentar, que são responsáveis pelas 16 mil refeições servidas diariamente aos alunos das redes municipal e estadual de ensino público e estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA). “Além de darmos essa capacitação e orientação, que é de essencial importância para o conhecimento de nossas merendeiras, nós nos preocupamos também com a saúde física e mental delas, pois se elas estiverem bem, vão estar bem para fazer as suas atividades que implica no manuseio da merenda escolar a ser servida para esses estudantes”, pontuou, destacando o incentivo da atual gestão municipal em promover cursos de capacitação aos servidores municipais.